Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Para sempre...

por Rosinda, em 29.10.12

Vou por aí há deriva fugindo. De ti? De mim? Nem sei...

Sei que o medo me domina, simplesmente.

Por isso, eu não, não caminho mais por onde andei. 

Ficaram sulcos na alma, marcada profundamente...

Para sempre, para sempre...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45


14 comentários

De Existe um Olhar a 29.10.2012 às 20:26

Voltar a caminhar por trilhos que nos fizeram sofrer pode não ser boa solução, mas há alturas em que devemos permitir que a intuição nos conduza e impedir que a razão se sobreponha à voz do coração. Nunca digas nunca, amiga!

Beijos
Manu

De Rosinda a 30.10.2012 às 19:45

Amiga... o meu coração está do tamanho de uma noz...
Beijinho
Rosinda

De miilay a 29.10.2012 às 21:34

Rosinda, sim, abre novos caminhos, e encontrarás pelo menos coisas novas!
Desejo mesmo que sejam BONS, para gravares em teu coração experiências especiais.
Um xi
miilay

De Rosinda a 30.10.2012 às 19:48

E se for o velho renascido também serve?
Amiga o amor não renasce, quando verdadeiro ele não chega a morrer.
Beijinho grande
Rosinda

De Miguel Alexandre Pereira a 01.11.2012 às 13:02

Não me canso de dar-te os parabéns pelas magnificas fotos que aqui colocas. São espectaculares, está traz uma enorme tranquilidade. Quanto às palavras que aqui deixaste, estão belíssimas. Óptimo post!

De Rosinda a 05.11.2012 às 20:36

Obrigada Miguel, és muito gentil... a minha máquina é muito fraquinha, mas eu gosto de registar momentos...
Um abraço
Rosinda

De luadoceu a 01.11.2012 às 15:50

um grande beijinho amiga
desculpa falta de tempo pf

De Rosinda a 05.11.2012 às 20:37

Outro maior para ti, tudo de bom...
Rosinda

De golimix a 02.11.2012 às 19:48

É... às vezes dá jeito desaparecer e ficar num cantinho...

Bjinho e bom fim de semana

De Rosinda a 05.11.2012 às 20:38

É mesmo...
beijinho
Rosinda

De DyDa/Flordeliz a 05.11.2012 às 12:04

A razão sabe que: para sempre é tempo demais.
O coração, esse maroto: teima em bater apegado a sentimentos que gostariamos de manter guardados.
E a alma é uma ingrata: provoca-nos com recordações que nos enchem de prazer mas nos deixam o vazio da saudade entristecendo-nos por continuarem para sempre vincadas.

Que os sulcos fiquem suavizados de coisas boas. Que logo a nova maré se aproxime e atenue o que não faz falta deixando lugar a novas passagens.
Beijinho

De Rosinda a 05.11.2012 às 20:42

Minha amiga Flor... são altas as vagas deste meu coração revolto. A tempestade veio de repente e de repente se foi! É Outono...
Beijinho grande
Rosinda

De Caminhando... a 09.11.2012 às 00:46

Rosinda,

Existem momentos e situações que nos marcam de forma tão profunda que o medo de voltar a passar por eles petrifica-nos.
Que o caminho que percorras seja bom para ti, mesmo que tenhas de percorrer aquele que trouxe dor, se isso significar alguma resolução e paz.

Beijinhos e tudo de bom.

De Rosinda a 09.11.2012 às 16:44

Obrigada amiga Joana...
Por vezes tropeçamos nas mesmas pedras, mas se aprendemos, não cometeremos os mesmos erros, há que fugir deles, ainda que a dor continue de qualquer forma.
Beijinho grande
Rosinda

Comentar post



"O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela." (Fernando Pessoa)


Pesquisar

Pesquisar no Blog  




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Algumas das imagens deste blog são retiradas da Internet. Se alguma pessoa se sentir lesada por favor diga e será retirada