Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Ainda não é desta! :-))))

por Rosinda, em 30.06.10

Há coisas que me acontecem que não fora pela gravidade das mesmas, até daria vontade de rir, porque são por vezes rocambolescas certas situações. Como sabem eu todas as manhãs vou a casa de meus pais, faço as camas, uma massagem à minha mãe, ponho as gotas nos olhos do meu pai e se a minha mãe está bem ainda dou uma pequena caminhada com ela. Essa é a minha rotina já há dois anos.

Tinha decidido ir à praia amanhã bem cedo, já me sinto bem, a minha mãe andava bem e portanto disse-lhe que não ia lá de manhã, que queria ir ver o mar e que quando chegasse que passava lá em casa, fez-me algumas recomendações como se eu fosse pequena, ri-me com ela e disse-lhe que eu já estava kota e não corria perigo... Dei-lhe o meu beijinho e disse até amanhã. Pois... deveria ser, mas não foi!

Ligou-me  à tarde, chorava desesperada e enquanto a acalmava por telefone fui caminhando para a casa dela, é muito perto da minha. Quando lá cheguei estava o meu pai a tentar acalma-la . Perguntei que se tinha passado para estar tão alterada... Pasmei! Agarrou-se ao meu pescoço a chorar muito e a pedir-me para não ir à praia. Tenho medo que não voltes ou que te aconteça qualquer coisa... Segundo me disse o meu pai esteve a chorar toda a tarde, ou seja... mais uma crise de pânico! Acalmou depois de lhe prometer que não ia. Ela sabe que se eu prometo cumpro, mas porque não saberá que já sou adulta e velha para andar sozinha? É muito complicado! Bem... esta semana já não vou ver o mar!

Será que para ir tenho de mentir à minha mãe?  Dar-lhe uma desculpa para a minha ausência de manhã? Não me parece, estou mais a pensar em levá-la comigo. Tenho de ver se o autocarro pára perto da praia, pois ela não pode andar muito. Ou então resolver ir num fim de semana, pois assim a minha filha leva-nos. Detesto ir á praia ao fim de semana... tem muita gente! E eu queria tanto estar sozinha! Bem, tenho de me rir da vida, antes que ela se ria de mim... Seja como for... qualquer dia eu vou! :-)

 

Rosinda

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:17


23 comentários

De luadoceu a 01.07.2010 às 09:18

Tua mãe ama te e preocupa se
Ficou extremamente preocupada e angustiada contigo

Por um lado não devias mentir á tua mãe, se isso a ti pp te faz mal e te sentes culpada de o fazer a tua mae.
Por outro lado acho que deves contar lhe se tanta vontade tens de ir e pq nao, para a sossegar leva la, assim ela ve que realmente vais protegida do sol e fica sossegada, pois está contigo.
Ou entao, nao ir e ficas frustrada e triste contigo pq fazeres um Bem a tua mae, mas um tanto mal a ti pp e anulares te.

Eu acho que devias pegar na tua mãe, com todo o cuidado por ti e : ir

Beijinhos...e lindo o amor de mãe por ti: nao te quer perder.....

De Rosinda a 01.07.2010 às 14:50

Olá Lua!
Preocupação não sei se será. Ainda hoje fui com ela ao Centro de Saúde medir as tensões e falei com a enfermeira, que me disse que não devia acontecer, pois que tenho que ter o meu espaço. Mas que fazer? Isso ninguém diz!
Envelhecer é muito triste isso é.
Beijinhos linda e obrigada.

De Maria Helena a 01.07.2010 às 11:21

Ohhh!!!
Que pena não vir à praia...
Minha querida, vai ser difícil ficar sózinha seja em que dia for, pois já estamos em plena época balnear aqui na Póvoa, mas durante a semana é sem dúvida mais tranquilo!
E o autocarro pára bem perto da praia!
Beijinhos!

De Rosinda a 01.07.2010 às 14:53

Sabe Maria Helena, eu queria ir bem cedo, quando as pessoas ainda são poucas.
Ao fim de semana é que é demasiado. Bem, ficará para depois.
Um beijinho

De Existe um Olhar a 01.07.2010 às 18:17

Ohhhhhhh estavas tão entusiasmada..eu até fiquei aqui a torcer para ires, mas pronto, se não foi desta é porque não era a melhor altura, ou quem sabe essa ideia de levares a mãe talvez seja importante para as duas.

Beijos
Manu

De Rosinda a 01.07.2010 às 18:40

Mas eu vou Manu, só fica adiado! Talvez vá mesmo com a minha mãe, ela demonstrou interesse em ir. As coisas são como são... fazer o quê?
Um beijinho Manu e muito obrigada.

De DyDa/Flordeliz a 02.07.2010 às 01:58

Fizeste-me sorrir
E depois triste
E a seguir sorrir
E depois triste

Tantas vezes falas em ir ver o mar e afinal...

Cá para mim não querias fazer a viagem sozinha. Ao dar a notícia aos papás já sabias que haveria "crise" ehehehee
Logo: motivo para ficar em casa.

Rosinda não sabe nadá YÉ
Tem medo de ir ao má YÔ

Ela vai camiñá YÉ
N´areia da praia YÔ

Os pais vai levar YÉ
Para a acompanhar YÔ

YEEEEE
YOOOO
YEEEEE
YOOOO



É da hora não ligues

De Rosinda a 02.07.2010 às 08:45

Olá Flordeliz!
Também me fizes-te sorrir logo de manhã...Gostei do rap ! (será assim que se escreve?) Bem sabes que se habituaram a ter-me presente todas as manhãs e teria que dizer-lhes para justificar ausência. Como aliás tenho de avizar os meus irmãos pois se acontece algo é para mim que telefonam, estou mais perto e mais disponivel.
Acho que habituei todos um pouco mal e apercebo-me que não tenho vida própria.
Por acaso ainda não apareceu outra "malagueta" senão ia ser uma chatice!
Mas enfim...
Náda eu sei mas não o vou fazê YÕ
Porque há uns ano eu ia morrê YA
Deixei de naná fiquei tramatizadâ YÔ
Comecei a corrê ... bué da fixe qué corré Ó YA
Mas veio a coluna coméçô a doér YÔ
Parei com tudo tá-sse memo a ver
Bué da fixe, que isto tá a ser..
páro por aqui antes que me mandes fo ... êr YA Yô

E assim começa a minha manhã! Agora vou ver a mãe antes que telefone!
Obrigada Flor, pela boa disposição que me incutis-te logo pela manhã.
Beijinho e Bom fim de semana
TASSE BEM YA... !

De DyDa/Flordeliz a 02.07.2010 às 11:38

A M E I !!!

Tem um dia feliz

De olha_por_mim a 02.07.2010 às 17:36

Eu sou como tu...apesar de casada e ter um filho...ainda não consigo contrariar a minha mãe...e secalhar nunca vou conseguir...ñ consigo mentir-lhe...e acho q elas fazem isso pelo nosso bem...mas gostava q percebesse q já cresci...q já sou mulher...:)))
Beijocas grandes e bom fim-de-semana

De Rosinda a 02.07.2010 às 18:21

Pois é, eu também não consigo mentir, mas quando pensar ir tenho de "omitir"
ou então não dá para ir. é complicado! Mas a minha irmã vai levá-los para passar uns dias, talvez aproveite nessa altura.
Acredito que sintas como eu , chamo a isso respeito. Sabes que fumo há 40 anos e não sou capaz de o fazer na frente do meu pai? Apesar de ele se fartar de dizer que posso... não sou capaz!
Um beijinho para ti e outro para o Rodrigo
Bom fim de semana.

De Gusty a 02.07.2010 às 21:55

Ola o melhor mesmo é omitir. Porque isto não passa de um jogo psicológico, para chamar atenção.
Será da idade? Talvez, não sei. Chantagem emocional? Ok tb não sei.
Mas vou-lhe contar uma passagem que se passou aqui há poucos dias.
Qd Portugal jogou com o Brasil ligaram para aqui para me pedirem um médico para fazer um domicilio pq a sra. se encontrava mt mal. Pelas queixas e gritos de desespero que ouvi através do telefone aconselhei o sr. levar a mãe ao Hospital.
Passados alguns dias joga outra vez Portugal mas desta vez com Espanha e lá me telefona outra vez o mesmo sr a pedir um domicilio pq a mãe se encontrava mt mal...
Eu como reconheci a voz perguntei se era o mesmo sr. que ja havia me contactado no dia em que Portugal jogou com o Brasil... e ele disse: - Sou mesmo essa pessoa!!!
A minha mãe quando se apercebe que poderá não ser o centro das atenções, faz-me destas coisas!!!!
A verdade é que qd a médica chegou a casa da paciente estava tudo bem, pq ela conseguira os seus intentos.
O FILHO NÃO SAIU PARA VER O JOGO NO CAFÉ. E a sra. ainda é nova tem 70 anos...
Por vezes nós filhos temos que dar um basta termos o nosso espaço, até pq ELES OS NOSSOS PAIS, FIZERAM O MESMO COM OS DELES. Por isso uma pessoa casa e saí de casa para ter vida própria sem nunca os colocar de lado, obviamente, mas o nosso espaço é o nosso espaço.
Todos os domingos os meus pais almoçam comigo, mas qd vou passear só transmito que vou estar fora e se eles me querem acompanhar.
Pq nós tb precisamos de conversar com amigos e mudar de ambiente de vez em quando.
bjokitas
Gusty

De Rosinda a 02.07.2010 às 22:07

Olá Gusty!
A minha mãe tem 75 , mas no último ano está de todo, sei que algumas coias não fazem sentido e muitas vezes temos que saber lidar com a situação.
Mas essa senhora ainda era pior!
Faz bem saber dessas coisas assim serve para ter em atenção, temos que ter um pouco de espaço só para nós.
Beijinhos

De rodrigando a 03.07.2010 às 00:41

Porque será que na sua maioria os pais não aceitam o crescimento dos filhos?
Para eles (e para nós também, convinhamos) custa vê-los tornarem-se independentes.
e não precisarem mais de nós.
E há alturas que essa preocupação se manifesta em adultos em vez de se ter manifestado em crianças.
Mentir nunca é solução mas dizer a verdade vai fazê-la entrar de novo em pânico.
Tens de arranjar solução porque não podes adiar para sempre uma coisa que te dá prazer e necessitas.
Um abraço grande.

De Rosinda a 04.07.2010 às 08:12

Olá Adélia!
Agora quando decidir ir, vou esperar que a minha mãe vá para Amarante para a casa da minha irmã. Desde que ela não saiba para nõ fazer filmes.
Espero que estejas melhor.
Beijinhos amiga e bom Domingo.

De ♥ Flor Cintilante ♥ a 03.07.2010 às 19:36

Pois é...tens de ter paciencia amiga,
a idade não perdoa e eles parecem voltar aos tempos de trás,
mas nao te esqueças de viver a tua vida,

bom fim de semana, jinhos cintilantes***

De Rosinda a 04.07.2010 às 08:15

Olá Florcintilante!
é verdade, agora como já não têm preocupações de maior, fica-lhes mais tempo para a imaginação...
Um beijinho

De Caminhando... a 03.07.2010 às 21:41

Olá Cris!

Muitos pais não conseguem largar as ancoras dos filhos...
Precisas do teu espaço e de um momento só teu. Mas é compreensivel o teu cuidado com a tua Mãe, e o não querer omitir/esconder.

Espero que possas em breve ir à praia e sentir a paz que ela nos oferece.

Beijo

De Caminhando... a 03.07.2010 às 22:25

Peço perdão pelo erro no nome.

Sei perfeitamente que estava a comentar o teu blog Rosinda mas, comentei antes o blog de uma amiga de nome Cris e o sono já me afecta daí o erro.

Peço perdão.

De Rosinda a 04.07.2010 às 08:18

Olá Joana!
Não tem importância nenhuma eu percebi que só o nome estava errado, o resto era nitidamente para mim, já me aconteceu o mesmo!

De Rosinda a 04.07.2010 às 08:21

Olá Joana, em breve irei, tenho mesmo que ir, arranjarei solução.
Bom Domingo!
Um beijinho

De MIGUXA a 04.07.2010 às 00:32

Rosinda,

Querida amiga,

Para os pais os filhos são sempre meninos...
Leva-a contigo, fazes bem...ela sossega e noutro dia vais sozinha...acredito que estás a precisar do teu espaço...

Noite serena
Beijos ternos
Margarida

De Rosinda a 04.07.2010 às 08:24

Obrigada Margarida, vou resolver nos próximos dias , para já uma das minhas cadelas vai ser operada segunda feira e qundo estiver boa, volto a pensar no assunto.
Bom Domingo!
Um beijinho.

Comentar post



"O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela." (Fernando Pessoa)


Pesquisar

Pesquisar no Blog  



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Algumas das imagens deste blog são retiradas da Internet. Se alguma pessoa se sentir lesada por favor diga e será retirada