Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Amor e respeito... precisa-se!

por Rosinda, em 18.04.11
Tubes St-Valentin

Quando a minha cadela  tuca teve a "sorte" de entrar para o escritório, onde trabalha a minha filha, (ainda hoje não sabemos como, pois tem um lance de escadas) tivemos de arranjar uma solução, não podíamos abandonar o animal. Foi aí que ouvi falar da Dra.. Ana... Dizia-se que tratava os animais abandonados e não levava dinheiro. Nós já tínhamos a dálmata, que tinha veterinária, mas bastante "careira" por sinal...

Então lá levamos a cadelinha à Dra.. Ana. Muito pequenina e fraca (pesava 1 Kg.) a Dra. Ana disse que teria cerca de um mês de idade. Tratou-a e realmente não levou dinheiro e foi muito amorosa.  A cadelinha ia então ser entregue para adopção, pois era essa a minha pretensão, era...!

Mas não foi isso que aconteceu, não tive coragem e fiquei com ela.

A dálmata já bastante doente nessa altura, com pedra nos rins, fazia uma alimentação com ração específica e bastante cara. Entretanto como não melhorava, resolvemos levá-la à Dra... Ana, até porque se cuidou da tuca de graça, tínhamos que ter isso em consideração.

Depois de alguns exames, viu que a shacha tinha um sopro no coração e liquido nos pulmões, a infecção nos rins muito adiantada...

Começou a tratá-la mas avisou que o prognóstico era mau, talvez não durasse mais de dois meses... tinha 7 anos, ainda não era velha.

Tratou-se e controlou-se todos os problemas da cadela, que tem andado bem. Faz análises de 6 em 6 meses e foi nessas analises que se viu a insuficiência renal na quinta feira.

Estou a contar tudo isto, porque não pude deixar de pensar que a eficiência da Dra.. Ana se supera à de muitos médicos de saúde de humanos.

Ela conseguiu fazer análises em laboratórios (que são os mesmos usados por nós) e saber resultados em menos horas que no Serviço de urgência do Hospital. A forma como fala com os donos dos animais supera em muito a dos nosso médicos, e garanto que ao contrário deles, nos mantém sempre informados da evolução da saúde do animal...

Quando me ligou para dizer que embora não entenda como, a shacha estava com os valores "quase" normais... estava tão contente como eu!

Esta mulher de estatura média e franzina, tem um coração maior que ela! E é disso que precisamos, de pessoas com o CORAÇÃO GRANDE... O RESTO VEM SEM DÚVIDA POR ACRÉSCIMO!

Estava aqui a escrever e sendo que a máquina fotográfica está na cozinha, registei com a câmara do computador, um momento de ternura...

 O meu obrigada a quem gosta de animais, um agradecimento grande à Dra.. Ana pela pessoa que é e pelo seu profissionalismo

Clínica Veterinária Ana e os bichos, é um exemplo de bom trabalho e grande humanidade...

Se puder ajude nas campanhas que se vão fazendo http://paaaminho.blogspot.com/

 

Nota:

Vou deixar aqui resposta a alguns emails menos delicados,  embora não tenha que dar explicações cá fica:

Para se ter um animal é preciso trata-lo com respeito e é isso que fazemos, por vezes com alguns sacrifícios, por exemplo: A minha filha podia ter um bom carro e anda ainda com o que eu lhe dei aos 18 anos um Seat com 17 anos, velho , muito velho! Além disso porque realmente é assim que penso, o que vos dá o direito de criticar? Já vos pedi alguma coisa? Não! E o que peço é respeito.  Se alguém tiver fome, em minha casa haverá sempre um prato de sopa ... mas não posso mudar o mundo, como me disseram... posso fazer a minha parte e tento...  essencialmente tento respeitar o próximo e parece que  nem todos conseguimos não é? Olhem para as minhas cadelinhas, são um bom exemplo de AMOR...

 

Maria Rosinda

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:00


2 comentários

De geriatriaaminhavida a 18.04.2011 às 14:44

já fiquei com lágrimas nos olhos.
Adorei as fotos e adorei saber que a shacha já está em casa.
Eu costumo dizer que quem não gosta de animais, não pode ser boa pessoa.
Apesar de já te gasto muito dinheiro com um dos meus gatos, não me arrependo. Farei tudo o que poder para que fique o mais tempo possível connosco.
Acreditem que nos fazem muito felizes!
Beijinhos

De Rosinda a 18.04.2011 às 14:56

Acredite que chorei muito quando na quinta feira ela ficou internada. Lembrei-me que quando eu estava no hospital e já aconteceu várias vezes, infelizmente, elas deixam de comer...Também eu penso que quem não gosta de animais, não é boa gente... lol!
Sei que a esperança de vida dela é escaça, mas enquanto estiver cá terá tudo o que for preciso.
São as amigas mais solidárias e fieis que tenho.
A minha filha na brincadeira já lhe chama Ferrary...! Mas está cá e quando não estiver vou sentir muito a falta dela.
Um beijinho e obrigada
Rosinda

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



"O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela." (Fernando Pessoa)


Pesquisar

Pesquisar no Blog  



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Algumas das imagens deste blog são retiradas da Internet. Se alguma pessoa se sentir lesada por favor diga e será retirada