Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Do coração a todos desejo, BOM NATAL

por Rosinda, em 19.12.13

Penso que já deu para perceber (nestes quase cinco anos de blogs) que sou uma romântica e crédula criatura. Ainda que a vida me vá tentando alertar para as mudanças que realmente existem na nossa sociedade, tais como: desapego de sentimentos e valores, falta de educação, ambição desmedida que passa por cima de tudo e de todos, enfim uma caterma de coisas que, a descrevê-las, fariam deste post uma seca. Basicamente o que falta, é AMOR.

Vivemos quanto a mim numa era de palavras e, palavras sem actos são insignificantes. Não adianta dizer; Eu gosto muito de ti e passar meses sem querer saber dessa pessoa. Palavras vãs, sentimentos ocos.

A cada dia que passa mais sinto saudades, de tudo, de todos, de mim... Já não acredito tanto, mas ainda assim; Acredito demais da conta...

No primeiro ano deste blog eu participei num outro,era dedicado ao Natal. Nele ficou este vídeo onde cantei para todos. Fica o registo, os votos são os mesmos...

 

https://c1.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/o080188bb/16418382_q8nyA.jpeg

PS: O meu telemóvel avariou à uns meses, comprei outro, mas perdi alguns contactos, que tinha alojados no telemóvel. O nº continua o mesmo e o  de casa esse então... é o mesmo à 30 anos!

Abraços

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:44

A verdade é que...

por Rosinda, em 11.10.13

Cada vez mais o homem fecha o seu coração, contrastando com seus gestos e palavras,  vazios.

Como confiar? Onde começa a verdade e acaba a mentira?

De mãos abertas em procura de paz, leva no coração a ambição e o poder.

Não abras as mãos em sinal de paz, não uses mal as palavras, antes...

ABRE O TEU CORAÇÃO. Com verdade, de VERDADE!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:02

Até breve...

por Rosinda, em 16.04.13

As minhas palavras são o meu retrato. Neste momento o meu retrato é uma tela borrada de cores confusas.

Afasto-me temporariamente, deixando aqui os meus votos de que seja leve a cruz de cada um, pois todos temos nossas consumições.

Um abraço, até breve...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:37

Momentos...

por Rosinda, em 02.07.12

(Amarante 29-6-2012)

Festa de aniversário do meu pai (84 anos)

As palavras não são necessárias, foram bons momentos que espero possamos repetir...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:49

Estado de alma...

por Rosinda, em 14.05.12

 

( Da minha janela)

 

"Só diz bem, aquele que pensou antes no que iria dizer, e ouve melhor aquele que se calou para escutar. A regra é simples, mas exigente.

Por isso hoje, nesse tempo de palavras muitas, queiramos a beleza dos silêncios poucos."

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:11

Afastemos os medos, para poder viver plenamente.

por Rosinda, em 09.03.12

 

Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano,

Ele treme de medo.

Olha para trás, para toda a jornada,

Os cumes, as montanhas,

O longo caminho sinuoso através das florestas,

Através dos povoados,

E vê à sua frente um oceano tão vasto,

Que entrar nele nada mais é do que

Desaparecer para sempre.

Mas não há outra maneira.

O rio não pode voltar.

Ninguém pode voltar.

Voltar é impossível na existência.

Só podemos apenas ir em frente.

O rio precisa de arriscar e entrar no oceano.

E somente quando ele entra no oceano

É que o medo desaparece.

Porque apenas então o rio saberá

Que não se trata de desaparecer no oceano,

Mas .. tornar-se oceano.

Se por um lado é desaparecimento,

Por outro lado é renascimento.

...................

 

Não são palavras minhas, são palavras de muita gente...

 

Bom fim de semana!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:02

Ufa...!

por Rosinda, em 13.06.11

Estou cansada...

Cansada de ser mãe, cansada de ser filha, cansada de sorrir e chorar por dentro. Estou em perfeita negação , desta vida que me prende, me atrofia e lentamente me transforma o coração. Estou cansada de dizer sim, quando quero dizer não.

Por isso me fecho no silêncio das palavras por dizer, nos medos de magoar, acabo eu por sofrer. Chiça! Como é difícil viver!     

No ansioso sentir aquilo que nunca tive, vontade de ser só eu, livre, livre, livre...

 

Rosinda

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:33

BOM FIM DE SEMANA!

por Rosinda, em 03.06.11

Parece que foi ontem e já passaram dois anos.

Pois é, o meu blog faz dois anos... o tempo corre! 

Posso dizer-vos que aprendi muito por aqui; Coisa muito boas, outras nem tanto. Mas continuo a gostar de cá estar. Fiz alguns amigos por aqui, pessoas que sem me conhecerem , me têm dado apoio e carinho nas horas menos boas e algumas gargalhadas na brincadeiras das "palavras".

Agradeço a todos, sem excepção... mesmo aos que foram ficando pelo caminho. Da partilha, fica sempre alguma coisa, fica a aprendizagem neste caminho pela vida.

 
VOTOS DE BOM FIM DE SEMANA, DIVIRTAM-SE!
 
E... VOTEM! SÓ VOTANDO SE PODE FAZER A DIFERENÇA!
 
Rosinda
 
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:12

Tristes esperanças...

por Rosinda, em 31.05.11

As ultimas notícias sobre os casos de jovens que se agridem de forma selvagem, deixam-me sem palavras e bastante preocupada com o futuro do homens e mulheres de amanhã. Embrutecidos e sem amor e respeito ao seu semelhante.

Mas quando sei de casos como o desta jovem , que se suicidou aos dezanove anos de idade (ver aqui) penso muitas vezes se os pais estarão atentos aos filhos e aos seus problemas.

Diz-se que esteve muito tempo sentada na ponte a chorar e a falar ao telemóvel. Passou decerto muita gente por ali, mas... hoje em dia é tudo normal... até mesmo estar a chorar, com uma caixa de lenços de papel no chão e sentada numa ponte...

 

 Rosinda

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:25

Há um tempo para tudo...

por Rosinda, em 02.02.11

Ausência de palavras

Se possível, viva uma experiência e não a fixe com quaisquer palavras, porque isso a tornaria estreita.

Você está sentado... é um anoitecer silencioso. O sol se foi, e as estrelas começaram a aparecer. Simplesmente esteja presente. Nem mesmo diga: "Isso é belo", porque, no momento em que você diz que algo é belo, ele não é mais o mesmo.

Ao dizer belo, você está introduzindo o passado, e todas as experiências que você disse serem belas coloriram a palavra.

Por que trazer o passado? O presente é tão vasto, e o passado tão estreito. Por que olhar por um buraco na parede, se você pode sair e olhar todo o céu?

Tente não usar palavras, mas, se precisar, seja muito cuidadoso em sua escolha, porque cada palavra tem uma nuance própria. Seja muito poético a esse respeito.

"Osho, em "Osho Todos os Dias"
  
Está tudo bem, simplesmente preciso de um tempo... voltarei na próxima semana. Até lá façam o favor de sorrir e ser felizes, ou tentar...!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:41


"O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela." (Fernando Pessoa)


Pesquisar

Pesquisar no Blog  




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Algumas das imagens deste blog são retiradas da Internet. Se alguma pessoa se sentir lesada por favor diga e será retirada