Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O tempo

por Rosinda, em 05.11.13
https://c1.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/ocb01ebb9/15927563_Flkh1.gif

O tempo, sempre o tempo... é acusado de tudo. Não raro alguém nos diz:

_Eu sei que é triste, mas tem força, o tempo fará esquecer...

Tu com o tempo vais lá, não te preocupes, vais ver que aprendes...

Se é certo que precisamos do tempo para tudo,

também é certo que ele vai passando sem parar, indiferente, por vezes cruel.

Hoje, um dia de Outono em que o tempo está cinzento, dou comigo a pensar:

_Não esperes pelo tempo, que ele não espera por ti...

ele passa por ti e segue, tu ficarás pelo caminho...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:09

Cansada...

por Rosinda, em 18.06.13

O tempo passou, a vida diz-me que eu envelheci e aceito.

Mas... ainda carrego sonhos. São leves os meus sonhos, mas já os carrego curvada...

Sinto-me cansada de tanto descansar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:17

Bom fim de semana :)

por Rosinda, em 23.11.12
Fotogafia tirada por mim em Amarante

Diminua o Passo…

(autor desconhecido)

Alguma vez já observou crianças num carrossel?

Ou ouviu a chuva a bater no chão?

Alguma vez já seguiu o vôo errático de uma borboleta?

…ou fixou o olhar no sol no crepúsculo?

É melhor você diminuir o passo.

Não dance tão depressa… o tempo é curto, a música vai acabar.

Você corre através de cada dia voando?

Quando você pergunta “Como vai?” Você escuta a resposta?

Quando o dia finda, você fica deitado na cama, com os próximos afazeres rolando por sua cabeça?

É melhor você diminuir o passo.

Não dance tão depressa…

…o tempo é curto, a música vai acabar

Você disse alguma vez a uma criança: “Vamos deixar para fazer isto amanhã?” E na sua pressa, não viu a tristeza dela?

Perdeu contacto, deixou uma boa amizade morrer porque nunca tinha tempo para ligar e dizer “Olá” ?

É melhor você diminuir o passo.

Não dance tão depressa…

...o tempo é curto, a música vai acabar…

Quando você corre tão depressa para chegar a algum lugar, você perde metade da satisfação de chegar lá.

Quando você se preocupa e se apressa em seu dia todo, é como se fosse um presente que não foi aberto… um presente jogado fora!

A vida não é uma corrida…

… Leve-a mais devagar…

… Ouça a música…

… Antes que a canção ACABE!

Bom fim de semana!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:25

Coisas "tortas"

por Rosinda, em 31.08.11

Hoje o dia foi de silêncio aqui pelo bairro. Havia tristeza no olhar de todos os moradores e a Igreja foi pequena para tanta gente, apesar de ser enorme.

Mas a vida continua e o tempo , esse SENHOR que tudo pode, fará esquecer esta jovem mulher, que teve a "coragem" ou a "cobardia" de se matar.

Mas olhando para o resto das notícias aqui de Guimarães, não pude deixar de ler algo que me faz pensar o quanto o mundo anda às avessas...

Enquanto há gente a suicidar-se por falta de emprego e conseguintes problemas inerentes, segundo o Sr.. Variador do pessoal da Câmara 600 empregados da mesma, faltaram ao trabalho no ano de 2010, vinte mil dias, é isso mesmo...! 20.000 dias!!!!!!!!! Ver aqui

Guimarães Capital Europeia da Cultura, mas ainda assim também capital de muita "trampa", onde o desemprego é enorme, há quem se "balde" desta maneira...

Nós assim vamos andar para a frente? Só se for como o caranguejo!

 Rosinda

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:17

Sinais do tempo...

por Rosinda, em 30.08.11

tubes astres / ciels

Mais uma vez a minha cidade vê uma mulher ainda jovem acabar com a vida. Desta vez tocou-me mais de perto, pois era prima da minha cunhada. Os pais vivem cá no bairro e eu conheço-a desde criança.

Moça de quarenta anos, sempre alegre, sempre bem disposta, bonita e independente, ninguém diria que teria tal fim. 
Divorciada já há muito, vivia sozinha. Tinha um filho com dezoito anos que ultimamente foi viver com o pai, por razões económicas.
E foram essas razões económicas que a levaram ao suicídio. Estava desempregada já fazia algum tempo e apesar de ser ajudada pelos pais, não aguentou a pressão. Tristes sinais dos tempos que vivemos, onde nada é certo e o emprego bom que se tem hoje, pode não se ter amanhã... 
Hoje da minha janela vejo o dia cinzento...
 
Noticia em Guimarães Digital
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:06

BOM FIM DE SEMANA...

por Rosinda, em 09.06.11

Pedes-me um tempo para balanço de vida,
mas eu sou de letras, não me sei dividir
para mim um balanço é mesmo balançar
balançar até dar balanço e sair...

Pedes-me um sonho para fazer de chão,
mas eu desses não tenho, só dos de voar
e agarras a minha mão com a tua mão
e prendes-me a dizer que me estás a salvar.
De quê?
de viver o perigo
De quê?
de rasgar o peito
Com o quê?
de morrer
Mas de quê, paixão?
De quê?
Se o que mata mais é não ver o que a noite esconde
É não ter nem sentir o vento ardente
a soprar o coração...

Pensa em mim dentro das mãos fechadas
o que cabe é pouco mas é tudo o que temos
esqueces que às vezes quando falha o chão,
o salto é sem rede e tens de abrir as mãos.

Pedes-me um sonho para juntar os pedaços
mas nem tudo o que parte se volta a colar,
e agarras a minha mão com a tua mão e prendes-me
e dizes-me para te salvar.
De quê?


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:21

Há um tempo para tudo...

por Rosinda, em 02.02.11

Ausência de palavras

Se possível, viva uma experiência e não a fixe com quaisquer palavras, porque isso a tornaria estreita.

Você está sentado... é um anoitecer silencioso. O sol se foi, e as estrelas começaram a aparecer. Simplesmente esteja presente. Nem mesmo diga: "Isso é belo", porque, no momento em que você diz que algo é belo, ele não é mais o mesmo.

Ao dizer belo, você está introduzindo o passado, e todas as experiências que você disse serem belas coloriram a palavra.

Por que trazer o passado? O presente é tão vasto, e o passado tão estreito. Por que olhar por um buraco na parede, se você pode sair e olhar todo o céu?

Tente não usar palavras, mas, se precisar, seja muito cuidadoso em sua escolha, porque cada palavra tem uma nuance própria. Seja muito poético a esse respeito.

"Osho, em "Osho Todos os Dias"
  
Está tudo bem, simplesmente preciso de um tempo... voltarei na próxima semana. Até lá façam o favor de sorrir e ser felizes, ou tentar...!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:41

O tempo voa...

por Rosinda, em 07.12.10

É noite serrada. O sono deu lugar a uma saudade sempre presente, mas que por algum tempo tinha esquecido. Brincas-te comigo como se ainda fosses pequeno, assim acordei sob o teu olhar carinhoso e o teu sorriso emocionado, já tocado pela saudade da partida. Um gracejar na tentativa de controlar emoções, um beijo, um sorriso, um até breve, meu filho...

Revirei-me na cama, duas horas de sono, talvez volte a dormir... sabia que não ia conseguir, mas tentei.

Pouco tempo depois levantei-me, tomei café, fumei um cigarro e olhando a noite escura como breu, pensei:

Os meus filhos cresceram tão depressa, o tempo voa...

 Rosinda

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:41

Ajuda preciosa...

por Rosinda, em 18.11.10

 

O autor Leo Buscaglia foi certa vez convidado a ser jurado de um concurso numa escola, cujo tema era: "A criança que mais se preocupa com os outros".

        O vencedor foi um menino cujo vizinho - um senhor de mais de oitenta anos - acabara de ficar viúvo. 

        Ao notar o velhinho em seu quintal, em lágrimas, o garoto pulou a cerca, sentou-se no seu colo e ali ficou por muito tempo.

        Quando voltou para sua casa, a mãe  perguntou-lhe o que dissera ao pobre homem.

        - Nada - disse o menino - Ele tinha perdido a sua mulher e isso deve ter doído muito. Eu fui apenas ajudá-lo a chorar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:34

É TEMPO...

por Rosinda, em 05.04.10

(foto tirada por mim)

 

"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas
que já tem a forma do nosso corpo;
E esquecer os nossos caminhos que nos levam sempre aos mesmos lugares.
É o tempo da travessia...
E se não ousarmos fazê-la,
Teremos ficado, para sempre,
à margem de nós mesmos."


Fernando Pessoa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:17


"O próprio viver é morrer, porque não temos um dia a mais na nossa vida que não tenhamos, nisso, um dia a menos nela." (Fernando Pessoa)


Pesquisar

Pesquisar no Blog  




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


Algumas das imagens deste blog são retiradas da Internet. Se alguma pessoa se sentir lesada por favor diga e será retirada